sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Pessoal

Mais uma vez nosso apelo por ração...

Precisamos urgente de ajuda para comprar ração. Continuamos sem crédito nas lojas, pois não conseguimos pagar os R$3.900,00 no JC Tavares e muito menos os R$4.800,00 na Baquearia e o pior é que não temos nenhuma perspectiva de saldarmos essas dívidas que vêm se arrastando há meses. Por ser mês de Natal ganhamos aproximadamente 1 ton de ração o que possibilitou atravessarmos o período entre o Natal e Ano Novo , porém para os outros 21 dias do mês TODA ração, os 2200 kg. foram comprados aos picados, diariamente e custou no total R$8.526,00 , parte disso “pago” com cartão de crédito.

Todos os dias, a ajuda em dinheiro que recebemos é imediatamente destinada para comprar a ração á vista e por conta disso não conseguimos juntar o dinheiro e saldar nossas dívidas nas lojas. No mês de dezembro as despesas com as funcionárias aumentam, pois além dos R$1.600,00 de salário, pagamos também R$1.200,00 de 13.o. salário.

Gastamos mensalmente por volta de R$750,00 com combustível e carretos para que tudo que os Amiguinhos do Jardim precisam chegue até eles, desde a ração até o prego para os portões. O acordo trabalhista judicial de R$300,00 está sendo pago mensalmente com muito sacrifício, pois não podemos atrasar sequer um dia sob pena de multa de 100%, assim como está sendo pago os R$250,00 mensais de honorários da advogada que não podem falhar, ainda que sejam pagos com atraso.

Em dezembro também foi preciso carpir o Jardim o que nos custou R$400,00, mais R$250,00 com reparos de portões, casinhas e telas em 2 canis que precisaram ser trocados de emergência. Dois de nossos velhinhos precisaram de consultas especiais e exames, os filhotes (gatos e cachorros) precisaram tomar a 1.a dose de vacina, 16 doses para os gatinhos e 25 para os cães ao custo total de R$840,00.

Ganhamos poucos produtos de limpeza e jornais e isso nos obrigou a gastar R$210,00 para garantir a limpeza dos canis. Diante de tantos custos, tantos valores, tantas dívidas e tantas necessidades é que contamos sempre e mais uma vez com a ajuda de vocês para conseguirmos atravessar mais um mês que sabemos ser difícil para todos.