segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Pessoal!

Completamente sem recurso, sem condições e sem palavras para expressar a situação financeira do Jardim dos Amiguinhos que se arrasta há muito tempo por falta de parceria e ajuda suficiente para se manter.

Como último recurso e na tentativa desesperada de não deixar nossos Amiguinhos do Jardim sem ração suficiente, sem atendimento veterinário (cirurgias e exames), sem abrigo (manutenção), sem limpeza (funcionárias) enfim sem o mínimo necessário e lutando para que os quase 250 animais que amparamos não voltem a fazer parte dos milhares que estão em vivendo no abandono recorremos a empréstimos pessoal através do Banco Itaú, Santander e consignado pelo INSS, que comprometeram totalmente a única fonte de renda garantida que tínhamos para pagar o salário das funcionárias.

Mas diante da possibilidade dos animais passarem fome não houve outra saída. Quitamos dívidas grandes e pequenas, pois já estávamos sendo cobradas em casa, na fila da balsa, nos portões do Jardim, por telefone, funcionárias sem cumprir o trabalho por falta de pagamento, tornando a situação insustentável além de não termos mais como garantir a ração.

Pagamos todos os fornecedores de ração, dividas com as clínicas veterinárias que prestaram atendimento especializado, colocamos os salários das funcionárias em dia, pagamos as duas lojas de material para construção (telha, cimento e areia), mão de obra de carpinagem, pedreiro e tudo que estávamos devendo até então e com o que sobrou dos empréstimos mantivemos o Jardim “andando”, pois a pouca ajuda recebida dos nossos amigos e companheiros de luta que acreditam em nosso trabalho não são suficiente para nossa caminhada em favor dos animais continuar.

Peço a todos que ao ter esse pedido em suas mãos leiam com carinho e atenção os comprovantes dos empréstimos e vejam os valores e datas de pagamento das parcelas e nos ajudem a continuar mantendo o Jardim dos Amiguinhos, pois hoje não temos como honrar esses compromissos, não temos como pagar essas parcelas e todos os nossos limites de créditos, incluindo os cartões novamente já estão esgotados e todo dinheiro vindo dos empréstimos já acabou.

Qualquer forma de ajuda será bem vinda, seja apadrinhando um Amiguinho, adotando, divulgando, doando ração, compartilhando, seja como for ajudem o Jardim.